Revenda de carros: 4 dicas para não sair no prejuízo

A revenda de carros usados ou seminovos sempre agitou o mercado de autos no país. Chega um momento que nosso carro não atende mais nossas necessidades ou, simplesmente, queremos um carro mais novo.

Porém, muitas pessoas se sentem inseguras na hora de revender o seu automóvel. É preciso assertividade para não sair no prejuízo, vendendo seu veículo atual por um preço menor do que ele vale, por exemplo, na tabela FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) ou mesmo no mercado em geral.

Algumas das principais dúvidas de quem vai realizar a revenda de carros são:

Quanto devo cobrar pelo meu automóvel?

Quais os locais ideais para fazer um bom negócio?

Devo realizar reparos antes de colocar meu auto à venda?

Para você, que está pensando em vender seu automóvel, separamos 4 dicas que ajudarão a não ter prejuízos com essa transação. Seguindo as essas sugestões, provavelmente você fará um bom negócio!

 

4 sugestões para a revenda de carros

 

 

  • Valorize o seu automóvel

 

Obviamente, ninguém quer perder dinheiro na hora de fazer a revenda de carros. Assim, recomenda-se fazer uma revisão do carro antes de colocar o auto à venda.

Amassados, arranhaduras na pintura, defeitos mecânicos e outros problemas desvalorizam muito o carro. O valor que você gastará com os reparos permite analisar mais propostas de compras, conseguindo optar por um preço de venda mais vantajoso.

No entanto, existem casos onde os reparos necessários são muitos. Isso vai fazer com que você desembolse muito dinheiro. Então a dica é: o valor pago com os reparos não deve ultrapassar 5% do valor do veículo. Por isso, obtenha o preço de referência do seu veículo na tabela FIPE.

Caso os consertos necessários ultrapassem esse percentual, é melhor vender o carro do jeito que ele se encontra – mesmo baixando o preço da venda. O novo dono é quem providenciará os reparos.

Ou, então, invista só os 5% do valor do carro em reparos, antes de vendê-lo.

 

 

  • Locais mais apropriados para colocar o carro à venda

 

Para fazer um bom negócio, existem canais mais adequados para divulgar o seu automóvel.

Uma das melhores maneiras de repassar o veículo é oferecendo diretamente para pessoas conhecidas. As redes sociais, por exemplo, são ótimas para você divulgar para amigos e parentes.

Faça você mesmo um anúncio, com o preço, características e fotos do carro e coloque na sua página pessoal das redes sociais. Muita gente tem conseguido vender dessa maneira.

Além de ser uma venda mais rápida, é mais segura – já que você conhece o comprador.

tabela fipe

Anúncios em classificados de internet e jornais impressos também são formas válidas para você conseguir fazer a revenda de carros. Existem jornais impressos famosos pela sua parte de classificados de veículos – aposte neles.

Além disso, procure os sites mais acessados e fáceis de vender veículos e também anuncie neles.

Verifique o valor dos anúncios de destaque, se não forem caros, vale a pena.

Outra maneira é vender o seu carro em uma concessionária, principalmente se a intenção é trocar de veículo. O valor do seu automóvel usado é descontado no preço do carro que você deseja adquirir.

Mas atenção! As inspeções das concessionárias são rígidas. Qualquer problema é motivo para cair o preço.

Use, então, a regra que já ensinamos: invista 5% do valor do seu veículo em consertos, para não sair no prejuízo.

 

  • Atenção com a documentação do seu carro

 

Confira se seu veículo tem multas, débitos ou até mesmo alguma restrição judicial. Caso tenha é melhor resolver tudo antes de vender.

Isso porque se você vender o carro com essas contas em aberto, o comprador descontará o valor do preço que pagará pelo seu automóvel. E sempre esse valor será um pouco maior do que os débitos exatos, já que os compradores costumam levar em consideração o trabalho que terão para acertar tudo.

Além disso, a revenda de carros com débitos costuma desvalorizar os veículos acima da tabela FIPE, dando prejuízos ao proprietário.

 

  • Momento certo de colocar o veículo a venda   

 

Uma das coisas que influenciam na revenda de carros usados é a quilometragem rodada. Segundo especialistas no assunto, automóveis com quilometragem entre 10 mil e 15 mil km são mais fáceis de vender e apresentam menos desvalorização.

Portanto, se seu carro está próximo a completar essas quilometragens, procure mantê-lo na garagem para revendê-lo por um preço melhor.

Dúvidas sobre revenda de carros

Caso você ainda tenha dúvidas em relação a vender o seu carro, procure se informar bem para não sair no prejuízo, principalmente com a transferência de documentações – que exigem diversos cuidados.

Você pode consultar um especialista no assunto ou tirar dúvidas pelo site do Detran (Departamento de Trânsito).

Vivo fibra BR: Entenda o poder da tecnologia Vivo Fibra

Conhecida por sua ultra velocidade, a tecnologia da fibra óptica tem conquistado muitos brasileiros nos últimos meses. Para quem deseja ter uma boa conexão, a Vivo Fibra é uma excelente alternativa. Entenda o poder desse sistema e confira as vantagens em adquirir um plano de internet da Vivo para sua empresa, escritório ou residência.

vivo fibra

O que é fibra óptica?

Ela se consiste em estruturas em formato de fio com dimensões microscópicas próximas a um fio de cabelo. Em geral são feitas de vidro, plástico ou outro material que seja isolante elétrico e possua alta resistência ao fluxo de corrente elétrica. A verdade é que essa tecnologia tem conquistado não só o Brasil, mas o mundo todo, devido à sua eficiência e qualidade.

Como ela funciona?

Para que possamos entender melhor o funcionamento desse sistema, é preciso que pensemos nos principais conceitos de refração da luz.

Suponhamos que você mergulhe em uma piscina e segure uma lanterna acesa, com a luz apontada para a superfície. A luz vai seguir uma direção dentro da água, entretanto sofrerá um desvio ao entrar em contato com o ar. Isso vai acontecer porque ambientes distintos não possuem índices de refração iguais.

Todavia, há um ângulo de limite para que esse processo de refração ocorra. Se o feixe de luz for lançado além desse ângulo específico, a luz da lanterna não vai conseguir ultrapassar a superfície da piscina e vai voltar a refletir no fundo da água. Esse fenômeno físico é denominado de reflexão total.

É isso que acontece em um filamento de fibra óptica. A luz vai de uma extremidade a outra, e reflete várias vezes em suas paredes extremamente estreitas, gerando o sinal de internet.

Por que usar a Vivo Fibra?

Tal tecnologia vem substituindo os famosos fios de cobre. Em especial no setor das telecomunicações, o sistema tem ganhado grande notoriedade por não sofrerem as temidas interferências eletromagnéticas. Sim, aquelas que são responsáveis pela instabilidade no sinal.

A fibra óptica é considerada um meio de conexão extremamente seguro para o tráfego de dados, sendo recomendada para redes que necessitam de privacidade, por exemplo.

Além disso, o material utilizado na fabricação dessas estruturas é um dos minerais mais abundantes do planeta: o vidro, que também possui um custo bem mais baixo.

Planos Vivo Fibra

Considerada por muitos, uma das melhores provedoras de internet do Brasil, a Vivo se destaca pela qualidade no serviço e pelo avanço tecnológico em seus sistemas de conexão. Com um plano de 100 MB, é possível baixar um filme em HD, veja bem, em alta qualidade, num prazo de seis minutos.

Também é possível fazer o download de 120 músicas (700 MB em média) em torno de 60 segundos. Ah, e se você quiser enviar 200 fotos (250 MB), seu upload será concluído em menos de dois minutos.

Viu só como é rápido? Impressionante, não é mesmo?

Além disso, a Vivo também dispõe de planos de 150, 200, 250 e 300 MB. Lembrando que a velocidade de upload é sempre a metade desses valores (que se referem a velocidade de download).

Como é feita a instalação?

Caso você se interesse por algum desses planos, basta entrar em contato com a Central de Atendimento e conversar com o responsável pelo departamento comercial. Não se esqueça de analisar suas atividades cotidianas para escolher o seu pacote. Selecione um que realmente seja efetivo, lembre-se que para sua residência, um plano de 50 a 100 MB já é mais que suficiente. Entretanto se instalação for para fins corporativos, leve em consideração a quantidade de dispositivos conectados à rede.

Num prazo de até 5 dias úteis, uma equipe de técnicos especializada irá ao seu endereço para fazer a instalação da fibra óptica. O processo não é demorado, dentro de poucas horas você usufruirá o poder da tecnologia Vivo Fibra.

Muitos usuários testaram e aprovaram a eficiência e a velocidade da fibra óptica. Os benefícios se sobrepõem, pode ter certeza! Feita a análise de suas necessidades, verifique se vale mesmo a pena e adquira um bom plano de internet fibra óptica vivo fibra para o seu dia a dia.

Quem tem direito ao PIS e como dar entrada

Não há quem recuse dinheiro em tempos difíceis como os de hoje. Quando adquirido, de forma legal, valores extras muitas vezes tiram famílias do sufoco. E, este é o caso do abono salarial. Saiba agora se você tem direito ao PIS?

Acabamos de entrar no meado do ano e já tem trabalhadores pensando o que irão fazem com o 13º salário, esquecendo-se de olhar a tabela de PIS 2018 que pode ser atualizada a qualquer momento.

Quem sabe, quando houver a liberação do saque, o fôlego que você precisa pode chegar antes mesmo do Natal. Por isso, se você tem direito ao PIS é importante estar atento as informações.

direito ao PIS

O que é PIS? E quem tem direito a ele?

PIS ou Programa de Integração Social é um benefício estipulado pelo Governo Federal que visa oferecer um bônus financeiro para os trabalhadores contribuintes da Previdência Social.

Os valores são diversos e correspondem ao tempo de serviço de cada indivíduo desde o seu primeiro registro na carteira de trabalho e pode atingir a faixa de até um salário mínimo.

Tem direito ao PIS trabalhadores cadastrados há no mínimo cinco anos no programa. Então, basicamente, quanto mais tempo de trabalho, mais dinheiro no bolso.

É importante lembrar que, para recebê-lo é necessário ter trabalhado por pelo menos 30 dias de carteira assinada no ano vigente.

Destina-se a Caixa Econômica Federal a responsabilidade de divulgar a tabela de saque do PIS 2018. Afinal, esse é o banco que realiza as distribuições de valores.

Como dar entrada no PIS?

Para receber o valor os trabalhadores que tem direito ao PIS precisam destinar-se a uma agência do banco da Caixa Econômica Federal ou mesmo a uma lotérica.

Serão necessários documentos originais de identificação e especialmente o Cartão do Cidadão, sem ele não será possível realizar o saque que pode ser realizado no caixa eletrônico.

Também é importante não esquecer-se do número do seu PIS. Dessa forma será possível realizar o saque sem transtornos ou imprevistos.

Caso você não saiba o número do seu PIS, poderá fazer uma consulta rápida pela internet para saber o número do seu Pis através do seu CPF.

Para que tudo ocorra de forma organizada, de modo que evite filas e aglomerações que podem levar a tumultos o banco distribuidor (Caixa Econômica Federal) sempre estabelece um calendário de saques.


Considerações finais

É importante sempre conferir a atualização da tabela do PIS do ano corrente e estar vigilante para não perder o prazo de saque.

Para facilitar, saiba que o calendário de recebimento daqueles que tem direito ao PIS são previstos pela data de aniversário do mesmo. Logo, nascidos de janeiro receberão de forma igualitária, seguidos pelos nascidos em fevereiro em sequência e assim por diante.

Como dito no início do texto esse benefício é a chance que muitas famílias têm de “tirar a corda do pescoço” ou mesmo investir em projetos antes engavetados.

O trabalhador tem direito ao PIS pela contribuição que realiza mensalmente a Previdência Social. Portanto, mesmo que não tenha planos para ele no momento, saque! É direito adquirido seu!

No mais, caso tenha restado ainda alguma dúvida, você pode esclarecê-las entrando em contato diretamente com a Caixa Econômica para obter mais informações.

Como Ser Produtivo Trabalhando em Casa

Ser produtivo trabalhando em casa é uma tarefa difícil. Como home office temos algumas vantagens como conforto e liberdade, mas são elas que podem atrapalhar seu rendimento. Para vencer esse desafio, viemos propor soluções para você que tenta render mais sem morrer na praia.

Dicas para trabalhar em Casa

Faça uma autoanálise

Para começar a ser mais produtivo trabalhando em casa deve olhar para si mesmo e perceber quais tarefas e objetivos quer cumprir. O rendimento tem um significado diferente para cada um de nós e você precisa entender o seu. Defina quais são as suas metas para o final do dia e como quer alcançá-las. Trabalhe em casa melhor, com as dicas deste artigo.

Identifique quais são seus hábitos para que consiga melhorar ou descartar alguns. Veja quais irão te ajudar a conquistar aquilo que quer. A motivação e a disciplina funcionam como um músculo, é preciso exercitar e adquirir um comportamento diário para que não deixe trabalho acumular ou perca prazos.

Verifique qual é a sua disponibilidade real, sempre haverá alguma outra coisa para fazer além do trabalho como fazer ligações ou responder e-mail. Estar em casa oferece liberdade para que você estabeleça a rotina que quer seguir, procure distribuir essas tarefas no meio de outras coisas que goste e precise fazer.

Ter um cronograma é fundamental para organizar todas essas pequenas e grandes afazeres do dia. Não é fácil e exige prática. Algo que pode te ajudar a ser mais produtivo trabalhando em casa é a disciplina e vamos te dizer como usá-la no próximo tópico.

Disciplina para aumentar a produtividade

A disciplina pode ser uma aliada forte para se tornar produtivo trabalhando em casa. É por meio dela que conseguirá cumprir cada uma daquelas metas propostas no tópico anterior. É preciso entender que somente a partir de criar essa responsabilidade sobre o que tem que fazer e como será feito, mudanças acontecerão.

Um ótimo passo é identificar quais são as iscas que pegam a sua atenção. As redes sociais, por exemplo, podem ser um grande problema para quem é home office. A cada mensagem é uma olhada e nela perde minutos que poderiam estar sendo usados para finalizar o seu trabalho. Deixe de lado um pouco ou aprenda a usar.

Facebook e e-mail é uma fonte fantástica de se relacionar com clientes ou pessoas interessadas no seu trabalho, mas estipule um horário ou se policie sobre o seu uso. Perceba quanto tempo passa vendo as suas redes e quanto é está dedicando ao seu trabalho e, a partir disso, veja outras coisas que te atrapalham.

Sugestões para ser mais produtivo

Sabemos que talvez você não seja uma pessoa de estipular horários, mas para ser mais produtivo trabalhando em casa é bom que aprenda a ser ao menos organizado. Veja o que irá fazer no dia e coloque em ordem cada tarefa. Também organize sua área de trabalho. Estar bem consigo mesmo ajuda no seu rendimento.

Trabalhe em Casa - Vantangens

Esteja confortável quando for trabalhar. Não precisa ser, necessariamente, uma banheira de hidromassagem. Uma boa cadeira, apoio para os pés e suporte para notebook ou mesa adequada para o computador são itens básicos que garantem que você irá trabalhar sem incômodos. É mais difícil ser produtivo quando está desconfortável ou com dores.

Além disso é preciso ter foco, depois de ter organizado seus afazeres e seu ambiente de trabalho, finalmente, coloque a mão na massa. Foque naquilo que quer e faça acontecer. Quando estiver realizando as tarefas, lembre-se do motivo pelo qual está fazendo aquilo.

Não será do dia para a noite que conseguirá ser produtivo trabalhando em casa, mas o empurrãozinho nós estamos dando. É algo que atrapalha sua vida profissional e pessoal, então se você não está rendendo nada aproveite as nossas dicas para melhorar. Se quiser saber mais sobre trabalhar melhor, nos acompanhe.

Rastreamento via celular vale a pena?

Você já pensou em ter na palma da sua mão a possibilidade de saber a localização exata do seu
veículo? O rastreamento via celular oferece a você essa chance. Agora é possível combinar
dois dos itens mais amados pelos brasileiros para aumentar a sua segurança: carros e
celulares.

A paixão por automóveis em nosso país é tão grande quanto a paixão por celulares. É só
sairmos de casa e observarmos as pessoas nas ruas para constatar como os brasileiros são
apaixonados por esses dois itens. Nossas ruas estão completamente preenchidas por carros e
os brasileiros dificilmente vivem seu celular.

Rastreamento via celular

Essa combinação além de tantas outras funções, pode também fornecer mais segurança para
você. Isso acontece pois sabemos que no Brasil, o número de assaltos onde o motorista acaba
perdendo seu carro é muito grande. Por isso, passou a ser tão comum o uso de rastreadores
veiculares.

Os rastreadores veiculares permitem que o motorista tenha acesso a diversas informações
importantes sobre o seu carro. Todas essas informações podem ser acessadas por meio do seu
celular, ou seja, o acesso é facilitado, visto que um aparelho celular está nas mãos de quase
todos os brasileiros.

Rastreamento via celular: quais informações posso obter?

  • Localização exata do seu automóvel:
    Essa talvez seja a informação mais relevante para aqueles que procuram um rastreador
    veicular. A localização exata do seu automóvel pode ajudar a recupera-lo caso você seja
    roubado. Com essa informação, o trabalho da polícia será muito mais facilitado pois será
    possível saber exatamente onde está o seu automóvel
  • Histórico dos locais por onde o seu automóvel passou:
    Outra informação muito útil para auxiliar na recuperação do seu veículo em casos de roubo, é
    saber os locais por onde ele esteve, a rota por onde ele passou, os lugares onde ele parou. Isso
    é fundamental para a polícia conseguir localizar o seu veículo novamente.
    Em caso de assalto, em muitas oportunidades os ladrões realizam paradas para se desfazer de
    peças, ou ainda para vender acessórios que possam ter no seu carro, assim, a polícia poderá
    localizar também todas as paradas dos criminosos, antes de chegar até o seu carro.
  • Velocidade em que seu carro está em movimento:
    Com um rastreador veicular instalado no seu carro, você também pode ter a informação
    precisa da velocidade em que seu carro está se movendo, isso pode ajudar a polícia na
    investigação, para saber se os bandidos estão fugindo, ou procurando algum local para se
    esconder, tudo isso é possível ser verificado na tela do seu celular.
  • Quantidade de combustível que resta no seu carro:
    Mais uma informação que pode auxiliar a polícia a recuperar o seu veículo em caso de assalto.
    É possível verificar diretamente na tela do seu celular a quantidade de combustível presente
    no carro. Com isso, é possível presumir, por exemplo, quando os bandidos terão que parar o automóvel para abastecer. Assim, é possível segui-los e abordá-los em uma dessas paradas para conseguir combustível e então recuperar seu carro.

Veja mais informações sobre seguro auto e rastreador, continue ligado no canal veredas.